Fisioterapeuta Oncológico usa recursos no tratamento do câncer no colo do útero

No mês em que se realiza a campanha Março Lilás, que trata da conscientização sobre a importância de se prevenir o câncer do colo do útero, o profissional de fisioterapia especializado em oncologia é fundamental para prevenir possíveis complicações na região pélvica durante o tratamento da doença. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA) o câncer no colo do útero é a quarta maior causa de morte de mulheres por câncer no Brasil, que projeta uma estimativa de 17.010 novos casos da doença em 2023.

Compartilhe:

Fisioterapeuta Oncológico possui recursos que previnem complicações no tratamento do câncer no colo do útero

No mês em que se realiza a campanha Março Lilás, que trata da conscientização sobre a importância de se prevenir o câncer do colo do útero, o profissional de fisioterapia especializado em oncologia é fundamental para prevenir possíveis complicações na região pélvica durante o tratamento da doença. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA) o câncer no colo do útero é a quarta maior causa de morte de mulheres por câncer no Brasil, que projeta uma estimativa de 17.010 novos casos da doença em 2023.

Durante o tratamento do câncer do colo de útero, um dos principais profissionais que atuam para evitar problemas no assoalho pélvico da paciente, desde o diagnóstico, é o fisioterapeuta oncológico. “A atuação desse profissional especializado, desde o início, é de fundamental importância para a qualidade de vida da mulher, que durante o tratamento fica suscetível a efeitos adversos na região pélvica por conta de possível cirurgia, quimioterapia e principalmente a radioterapia”, afirma a professora Ana Karolina Cavalcante, fisioterapeuta e coordenadora do curso na Faculdade Uninta Fortaleza.

Atualmente, a cada 100 mil mulheres, 13,5 desenvolvem a doença que pode trazer problemas como Mucosite Vaginal, Radiodermite,  Incontinências urinária e fecal,Linfedema de membros inferiores, além de Estenose Vaginal, que causa o encurtamento e estreitamento do canal vaginal. Todas essas complicações podem dificultar, por conta de fortes dores, a realização de exames ginecológicos e até mesmo a impossibilidade de manter relações sexuais, o que acaba afeta a autoestima feminina gerando impactos emocionais.

Dentre as técnicas utilizadas pelo Fisioterapeuta Oncológico estão exercícios terapêuticos, fortalecimento do assoalho pélvico, massagens, perineal, recursos de eletrotermofototerapia, drenagem linfática manual, além de protocolos de prevenção e tratamento da Estenose. Todos esses recursos auxiliam no tratamento e prevenção das complicações. A reabilitação das pacientes com essa doença deve contar com a presença desse profissional especializado juntamente com os demais profissionais de saúde envolvidos no tratamento clínico desde o início.

Notícias Relacionadas

Notícias

Faculdade Uninta Fortaleza e Hospital Geral de Fortaleza fecham parceria para abertura de vagas de estágios

11 de abril de 2024

Notícias

Professora Ysmênia Pontes assume presidência da Comissão de Direito da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista da OAB-CE

4 de abril de 2024

Notícias

Prof. Me. Filipe Ferro assume a direção geral da Uninta Fortaleza

1 de abril de 2024

Notícias

Uninta Fortaleza expande o Projeto de Aconselhamento Acadêmico para todos os cursos

27 de março de 2024

Notícias

Faculdade Uninta Fortaleza e Hospital Geral de Fortaleza fecham parceria para abertura de vagas de estágios

11 de abril de 2024

Notícias

Professora Ysmênia Pontes assume presidência da Comissão de Direito da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista da OAB-CE

4 de abril de 2024

Notícias

Prof. Me. Filipe Ferro assume a direção geral da Uninta Fortaleza

1 de abril de 2024

Notícias

Uninta Fortaleza expande o Projeto de Aconselhamento Acadêmico para todos os cursos

27 de março de 2024

Acontece no PAED

Grupo de Estudos GEIDIT da Uninta Fortaleza encerra o ciclo de formação 2023

18 de março de 2024

Acontece no PAED

PAED da Faculdade UNINTA Fortaleza Impulsiona Desenvolvimento Acadêmico e Profissional

14 de março de 2024

Vamos falar pelo WhatsApp?

Estamos aqui para te ajudar, preencha o formulário abaixo e falaremos em seguida!